.

.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Cumpra-se a lei


Espera-se apenas que a lei seja cumprida

A Constituição Federal é clara. Na hipótese de Dilma Rousseff ser penalizada com o instituto constitucional do impeachment, assume a vaga o Vice-Presidente, no caso específico, Michel Temer (PMDB-SP).

Art. 79. Substituirá o Presidente, no caso de impedimento, e suceder-lhe-á, no de vaga, o Vice-Presidente.

Quando o devido processo  legal for instaurado, Dilma poderá ser enquadrada em um dos seguintes crimes de responsabilidade, segundo a Lei 1079/50 (Lei do Impeachment). E por ela, os crimes não precisam ser consumados, bastam apenas ser tentados. Leia abaixo extratos da Lei.


Art. 2º Os crimes definidos nesta lei, ainda quando simplesmente tentados, são passíveis da pena de perda do cargo...
.
.
.
Art. 4º São crimes de responsabilidade os atos do Presidente da República que atentarem contra a Constituição Federal, e, especialmente, contra:
.
.
.
V - A probidade na administração;
.
.
.

VII - A guarda e o legal emprego dos dinheiros públicos;
.
.
.
Art. 9º São crimes de responsabilidade contra a probidade na administração:
.
.
.

3 - não tornar efetiva a responsabilidade dos seus subordinados, quando manifesta em delitos funcionais ou na prática de atos contrários à Constituição;

4 - expedir ordens ou fazer requisição de forma contrária às disposições expressas da Constituição;

5 - infringir no provimento dos cargos públicos, as normas legais;
.
.
.
7 - proceder de modo incompatível com a dignidade, a honra e o decoro do cargo.


Como podemos ver, por tudo que tem acontecido nos últimos anos na República Federativa do Brasil, não falta lugar na lei para enquadrar a petista Dilma. O impeachment parece mesmo ser um caminho sem volta.

O impeachment está próximo


Dilma só pensa em como fugir do impeachment

Vi a Presidenta Dilma, na madrugada desta quinta, 26, no Jornal da Globo, e quase não conheci a figura da brava guerrilheira do passado. Rousseff estava visivelmente abatida, com olheiras, olhando para baixo, em um sintoma claro de quem sabe o que a aguarda: o democrático e constitucional instrumento do impeachment, principalmente se o PMDB, aliado desde os tempos de Lula, decidir ficar do lado do povo brasileiro. Definitivamente o discurso de negar a realidade com a famosa "Eu não sabia", já não ecoa mais, nem mesmo entre petistas históricos. Um deles chegou a confidenciar a um conhecido: "Fulano, o que eu vou dizer, se nem a própria mulher se defende". Não há como negar. Estamos diante do início do fim do petismo no Brasil.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Plano vai levar mais segurança a Arapiraca

Importantíssimo o  Plano de Operações que vai ser implementado pela PM nos eventos esportivos, em Arapiraca, principalmente nas partidas de futebol no Coaracy da Mata. Fazem parte dele, entre outras ações corriqueiras: reuniões antes dos jogos, cadastro de torcedores e ambulantes, análise prévia da ficha criminal de sócios das "organizadas", horários determinados para entrada delas no campo, instalação de gradis para separação de torcidas, além de monitoramento por câmeras nos acessos das praças esportivas e segurança nas cabinas de rádio.


Do Valle levou para Arapiraca a experiência adquirida nos estádios de Maceió

As determinações, que serão colocadas em prática pela Polícia, contam com a participação importante de outros entes, como o Ministério Público e a Promotoria de Defesa do Consumidor, bem como de todos que querem paz para Arapiraca. Não podemos deixar de destacar a participação do Tenente-Coronel Do Valle, uma pessoa que ama o esporte, principalmente o futebol, e que faz polícia com denodo e dedicação. Foi ele quem provocou as intervenções que serão feitas. Aliás, desde que chegou à Terra do Fumo tem mostrado que com vontade e liderança pode-se fazer mais, mesmo com as dificuldades materiais e operacionais que a polícia enfrenta.

Pela aplicação o militar vai ganhar, em breve, mais uma gemada,  passando a ser, como se diz na gíria policial, coronel-fechado. Pena que a ascenção de Do Valle ao mais alto posto da carreira vai tirá-lo do Agreste Alagoano. Arapiraca vai perder um excelente oficial, mas assim é a vida, cheia de idas e voltas. Torcemos para que o substituto dê continuidade ao trabalho que esta apenas começando.

Oportunidade de trabalho



Os Correios, em Alagoas, estão com inscrições abertas para estágio, até o próximo dia 27. As vagas são para estudantes de Administração, Logística, Serviço-Social, Sistema de Informação, Segurança do Trabalho e Direito. Para mais informações,   clique aqui. Dúvidas: 82 3216-7019.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Chefe, qual é mesmo a minha chave?

Com a mão sobre a Bíblia, alegando "erro de digitação" a Federação Alagoana de Futebol inverteu as posições de Coruripe e CRB, nos grupos A e B da Copa Maceió (Campeonato Alagoano). Isto foi ontem, 23. Nesta terça, 24, voltou atrás e desmanchou o que havia feito no dia anterior. Desta forma o CRB volta a ser da Chave B e o Coruripe da A.

 
Federação perdeu a sede e o rumo do futebol alagoano

Agora venham querer me fazer acreditar que foi "erro de digitação"! Se fosse verdade não teriam refeito mais uma vez. Estão brincando de fazer futebol, em Alagoas. A FAF está para lá de desacreditada. É uma verdadeira piada. Ou ela afunda de vez o combalido futebol alagoano, ou morre junto com ele. Estão faltando profissionais especializados para ocupar espaços na entidade. Mudança, já!

Fala, Lula!


Collor x Lula: nem sempre foi assim

Muito curiosa uma entrevista de Lula a Milton Neves, logo após Fernando Collor de Mello ter sido castigado com o instrumento constitucional do impeachment, em 1993.  O incrível é que a fala do ídolo petista é atualíssima, mesmo já tendo sido decorridos 22 anos da defenestração de Collor. Abaixo a degravação da interlocução.

Neves: O meu negócio é futebol, o seu negócio é política. É a primeira vez que eu falo com você lado a lado, mas me diga uma coisa, uma curiosidade que eu tenho. Lula, Luís Inácio Lula da Silva, você tem pena de Fernando Afonso Collor de Mello?

Lula: Tenho, eu... não é que eu tenho [sic] pena, como ser humano, eu acho que uma pessoa que teve a oportunidade que aquele cidadão teve de fazer alguma coisa de bem [sic] para o Brasil, um homem que tinha respaldo da grande maioria do povo brasileiro, ou seja, e... e... e ao invés de construir um governo, construiu uma quadrilha como ele construiu, me dá pena porque deve haver qualquer sintoma de debilidade no funcionamento do cérebro do Collor. Efetivamente eu fico com pena porque eu acho que o povo brasileiro esperava que essa pessoa pudesse pelo menos conduzir o país, se não a uma solução definitiva, pelo menos a indícios de soluções para os graves problemas que nós vivemos. Lamentavelmente a ganância, a vontade de roubar, a vontade de praticar corrupção fez com que o Collor jogasse o sonho de milhões e milhões de brasileiros por terra. Mas, de qualquer forma, eu acho que foi uma grande lição que o povo brasileiro aprendeu e eu espero que o povo brasileiro, em outras eleições, escolha pessoas que, pelo menos, eles conheçam [sic] o passado político.

Vale lembrar que Collor, Lula e o PT, atualmente vivem um verdadeiro conto de fadas. Com altruísmo as partes esqueceram o passado "em nome do Brasil" e dividem o poder harmonicamente. Quanto a resposta de Lula a Milton Neves, fiquei em dúvida se ele realmente estava falando do Collor ou se referindo ao PT.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

O bicho tá pegando

O Blog recebeu reclamação de ouvintes da Jovem Pan AM/MCZ, revoltados com a interrupção do programa Os Pingos nos Is, brilhantemente comandado por Reinaldo Azevedo, gerado a partir de São Paulo, para que, em Maceió, seja divulgado o resultado do jogo do bicho. A irritação da audiência é maior pelo fato de a emissora do clã GB apresentar a "numerologia" como se estivesse sendo divulgada em rede nacional. 


Façam suas apostas


Confesso que ainda não ouvi, mas um dos reclamantes me merece todo respeito e consideração para me levar a crer na veracidade da informação. Sendo assim, o que a AM 1020 está fazendo, é errado. Vamos organizar a casa, pessoal!

Erro de digitação?


A Federaação Alagoana de Futebol alegou erro de digitação para trocar os cabeças de chave da Copa Maceió e inverteu os grupos de Coruripe e CRB. O representante de Maceió sai da Chave B para a Chave A e o inverso se dá com o Coruripe. Foi o descompasso de teclado mais longo a ser descoberto na  história do futebol alagoano. 


CSA x CRB podem não fazer a grande final do Alagoano de 15

Como estava originalmente, se o CSA conquistasse a Copa Alagoas, ficaria na chave do CRB, o que impediria uma decisão de campeonato entre as duas equipes. O regulamento diz que times do mesmo lado se cruzam na semifinal, ou seja, CSA e CRB eliminaria um ao outro  na etapa anterior a final. Teria sido este o motivo! A FAF aposta que o CSA vai ganhar a Alagoas!

Ninguém poderá afirmar tal coisa, mas, mesmo assim, a mudança não resguarda uma final de campeonato entre os dois maiores de Alagoas. Caso o CSA seja segundo colocado na Copa Alagoas, agora vai cair no grupo do CRB. Se a mudança tinha como objetivo dar uma forcinha para uma decisão entre o azul e o encarnado, era melhor que o "erro" só tivesse sido descoberto depois de se saber a colocação do CSA na Alagoas.

Independência


Waldemir Rodrigues: opinião com soberania

Ouvi o comentarista Waldemir Rodrigues (Gazeta AM/MCZ) afirmar que a fase inicial da Copa Alagoas "foi tecnicamente fraca".  Concordo com ele e, embora o jornalista não precise, quero parabenizá-lo pela colocação. E porque saudá-lo por uma posição aparentemente comum? É que ele trabalha na empresa que possui os direitos de transmissão do Campeonato Alagoano e, normalmente, Brasil afora, assistimos a narradores, comentaristas e repórteres, na mesma situação, dourarem a pílula, ou seja, tentarem transformar uma pelada em um jogo inesquecível. No afã de "segurar a audiência" e não desvalorizar o produto da casa, alguns chegam, após um primeiro tempo horroroso, afirmar que "a partida foi maravilhosa e que o segundo tempo promete ser melhor ainda". Ao se posicionar ao lado da verdade da bola, Waldemir serve de exemplo para renomados personagem da mídia-esportiva nacional. É muito bom saber que na nossa Alagoas ainda temos profissionais com esta capacidade. Mais uma vez, parabéns!

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Ainda a Resolução



Diante da confusa redação da Resolução 01/2015, da Federação Alagoana de Futebol, que tentou esclarecer como será conhecido o terceiro colocado da Copa Alagoas, o Blog resolveu, não apenas criticar o documento, mas redigir um outro em que a situação fica bem mais clara. Leia abaixo.


RESOLUÇÃO DA PRESIDÊNCIA Nº XX/YYYY

Em xx de fevereiro de 2015


Fulano de tal, Presidente da Federação Alagoana de Futebol, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pelo Estatuto,


CONSIDERANDO que o Regulamento da Copa Alagoas não define quem é o terceiro colocado do Campeonato Alagoano de Futebol Profissional de 2015,


Resolve:


Que o terceiro colocado da Copa Alagoas de 2015, será a equipe, entre as perdedoras da fase semifinal, que tiver conquistado o maior número de pontos ganhos, somadas as fases inicial e a semifinal. Se ainda assim houver empate, o terceiro colocado será a equipe de melhor campanha na fase inicial. Se persistir o empate, o terceiro colocado será conhecido através de sorteio a ser realizado na sede da Federação Alagoana de Futebol, em data e hora a serem informadas oportunamente.

Esta Resolução entra em vigor na presente data, revogadas as disposições em contrário.



Fulano de tal

Presidente


Observaram como é simples. Basta colocar a pessoa certa no lugar certo. Sugiro que a FAF contrate um profissional especializado no assunto para deixar de ser motivo de chacota.

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Sem erro, pessoal!


Há uma informação sendo disseminada na mídia, dando conta de que o primeiro e o segundo colocado da Copa Alagoas levam para a semifinal apenas a vantagem de fazer o jogo de volta, em casa. Esta afirmação está eivada de erro, à luz do Regulamento do Alagoano de Futebol Profissional 2015.



Federação deu vantagem aos primeiros


O primeiro e o segundo colocados na fase inicial, além de fazerem o jogo de volta da semifinal ao lado do seu torcedor, também podem se classificar para a final da Alagoas sem marcar um gol sequer nos jogos das semifinais. Na prática: com dois empates nas duas partidas estarão classificados. E ainda tem mais outra vantagem. Se vencer um jogo e perder o outro pelo mesmo placar, também garante classificação.

É preciso ler e interpretar com muito cuidado o que está escrito na lei do campeonato, para não confundir a audiência. Tudo que sai da FAF já é tão confuso, agora imagine se os que têm responsabilidade com a informação aumentarem ainda mais a dúvida na cabeça do torcedor. Muito cuidado nessa hora!