.

.

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Cadeia neles!

Revolta entre os colaboradores de uma empresa do ramo de logística, baseada no interior do Piauí, altamente demandada na justiça por descumprir o plano de cargos e carreira dos funcionários. Os trabalhadores estão sofrendo por conta de, mesmo após terem  decisão judicial favorável, o ente teima em não implantar a progressão vertical, ainda que se tratando de decisão da Justiça. 


Parece que a Justiça só será respeitada depois que alguém curtir uma cana


Desrespeitada em seus direitos, a parte mais frágil na relação já pensa em pedir, também por via judicial, pedido de prisão dos responsáveis pela implantação da progressão por descumprir ordem emanada por juízes e desembargadores piauienses. Parece que o problema só será resolvido e as decisões respeitadas quando o primeiro for enjaulado.

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Novo debate entre os candidatos a Prefeito de Maceió

Os postulantes à Prefeitura de Maceió nas eleições deste ano e que são de partidos que possuem representação na Câmara Federal acima de 9 parlamentares, participam na noite desta quinta, 29, de um debate na TV Gazeta/MCZ, afiliada da Globo, a partir das 22h30min. Têm lugar garantido na troca de ideias  Cícero Almeida (PMDB), JHC (PSB), Paulão (PT) e Rui Palmeira (PSDB). 


O sorriso para as fotos se transforma em acusações na hora da discussão (Montagem:G1)


A  contenda será divida em quatro blocos - dois com temas de livre escolha dos políticos e dois em que o mote será determinado por sorteio. As perguntas serão feitas apenas entre os políticos. O debate será mediado pelo jornalista Felipe Toledo.

De antemão já se sabe que a pancadaria vai rolar solta e que Rui Palmeira será o mais bombardeado por todos, principalmente pelo oponente com maior chance de ir ao segundo turno, Cícero Almeida. Tem sido assim em todos os eventos anteriores, o que acabou não ajudando a angariar votos dos indecisos, tampouco reverter o pensamento do eleitor. 

Nossa torcida para que os candidatos apresentem com clareza suas propostas e junto com elas digam o que irão fazer,  porque farão, onde   será executado, quando será realizado, por quem será tocado o projeto, como vai acontecer, quanto vai custar e de onde virá o dinheiro. Assim fica mais fácil explicar as coisas para a população e não apenas jogar promessas vâs, no ar. Esperamos mais qualidade e competência dos candidatos.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Novo debate entre os postulantes ao cargo de Prefeito de Maceió


Cenário quase  pronto para receber os candidatos (Foto: AC)

A TV Ponta Verde, afiliada do SBT, em Alagoas, promove nesta terça, 27, ás 22h, debate entre os candidatos a Prefeito de Maceió. Foram convidados e confirmaram presença Rui Palmeira (PSDB), Cícero Almeida (PMDB), JHC (PSB) e Paulão (PT). O evento será mediado pela jornalista Georgia Nery, da TV Ponta Negra (RN). Espera-se que os candidatos travem uma disputa elegante e que se aprofundem nos temas propostos durante o encontro. Sem baixaria, por favor, pessoal!

O empate serve para o CSA


Mais uma vez o CSA terá pela frente o goleiro Mota que garantiu o zero para o Voltaço, em Maceió

Um empate com o Volta Redonda, no próximo sábado, 01, no Rio, em jogo marcado para o Raulino de Oliveira, às 21h, será um excelente resultado para o CSA. Senão, vejamos. Se empatar com gols será Campeão Brasileiro da Série D. Se empatar por zero levará a disputa para os tiros livres da marca penal, o que significa dizer que com um placar igual e sem gols o representante de Alagoas luta até o último momento pelo campeonato. Dessa forma não há motivo para desespero. O que o Centro Sportivo precisa fazer é jogar com altivez e saber que a responsabilidade por buscar uma vitória será sempre do Volta Redonda. Em tempo. Pelo fato de o empate ser um bom resultado, não se pode jogar apenas por ele. É sempre bom lembrar que "O medo de perder tira a vontade de vencer.".

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Hillary x Trump travam debate de alto nível em Nova Iorque

De alto nível até o momento desta postagem o debate presidencial entre Hillary Clinton e Donald Trump, candidatos a Presidente dos Estados Unidos, apresentado pela BBC. Os dois trocaram ideias o tempo todo. O âncora apenas se limitava a "rodar o peão" e "levantar a bola" para os dois. 


Trump e Clinton frente a frente na BBC


Hillary se mostrou mais leve e sorridente, enquanto que Trump apareceu mais sério e não menos contundente, chegando a interromper a candidata em alguns momentos da fala dela, ao que foi admoestado pelo moderador. Temas como política de impostos e a relação entre a polícia e os negros surgiram durante os seis espaços de 15 minutos cada, sem interrupção. Os candidatos tiveram um quarto de hora para confrontar cada assunto de interesse público e de suas plataformas eleitorais.

Em comparação com o que vemos no Brasil, foi uma leveza. Os momentos mais "pesados" foram quando Trump provocou Hillary dizendo que ela "usou e-mail particular para tratar de assuntos oficiais", ao que a esposa de Bill retrucou dizendo que Donald "deixou de pagar os salários de funcionários que trabalham nas empresas dele". No mais tudo muito leve e apenas no campo das ideias. Gostei do que vi. Precisamos, aqui no Brasil, debater e aprofundar temas nos debates entre nossos candidatos. Que tal começar imediatamente nos encontros entre os postulantes a Prefeito das cidades brasileiras!

Decisão da Série D está indefinida

CSA x Volta Redonda deram um presente aos torcedores que compareceram, nesse domingo, 25, ao Estádio Rei Pelé, em Maceió, para assistirem a primeira partida da decisão do Campeonato Brasileiro da Série C. Foi um jogão de bola. Se por um lado o CSA apresentou um futebol digno de uma decisão, tocando a bola e indo em busca de fazer o resultado na primeira partida, o Volta Redonda mostrou-se uma equipe qualificada, que joga compactada, exerce uma forte marcação no adversário, povoa o meio-campo com muita gente e também tem qualidade para agredir o oponente. Fez isso contra o CSA e levou a decisão para o Raulino de Oliveira, no próximo sábado, às 21h, no Rio. Vale destacar três atletas do Voltaço. O goleiro Mota, que fez defesas importantes que evitaram gols do CSA; o médio de saída João Cleriston, 21, e o atacante, Dja Baiano, atleta forte e de muita velocidade, que parte para cima dos defensores com muita velocidade. É um bom time, treinado por Felipe Surian, não sendo à toa o fato de ser o único time das quatro séries ainda invicto no Brasileiro.


Equilíbrio marcou a decisão entre CSA x Volta Redonda (Foto: Ailton Cruz / GA)


Apesar de tudo a decisão ainda está em aberto. O empate sem gols leva o título a ser disputado através de tiros livres da marca do pênalti. Caso a partida termine com igualdade no placar e com gols, o CSA será o campeão. Vitória de qualquer equipe deixará o vitorioso com o título. Pelo primeiro jogo não dá para apontar favorito. Mesmo o time fluminense jogando em casa, o resultado da partida do próximo sábado não poderá ser previsto por ninguém. A decisão está em aberto.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

É hora de revisão

Diante das mudanças exigidas pela população brasileira, que visam ao aperfeiçoamento da sociedade, penso que já é momento de se fazer uma varredura nas três esferas governamentais (Federal, Estadual e Municipal) para detectar anomalias no serviço-público. O inconsciente coletivo sabe que tem muita gente que ingressou nos quadros em funções de nível básico e médio e migrou, depois de promulgada a Constituição de 1988, para cargos de nível superior, sem passar pelo concurso público. A Carta Magana de 88 proíbe a artimanha, estando os infratores sujeitos as penalidades legais.


A ética tem que ser o sentido de todo profissional


Imagine, por exemplo, uma pessoa que está atuando como advogado em um ente governamental, sem nunca ter feito concurso para tal. Entendo que os atos praticados por ela são nulos de pleno direito, visto que não preencheu o requisito fundamental de ingresso na carreira que é o concurso público. Além disso deveria ser reconduzida ao cargo de origem e devolver o dinheiro que recebeu a maior, ilegalmente, corrigido. Quem ingressou em cargo de nível superior e migrou para outro igualmente superior, depois de 1988, também afronta a Constituição que veda a maracutaia. O Brasil precisa ser passado a limpo e qualquer ato que macule a lei precisa ser buscado e corrigido. Se procurar, acha. Tenho dito.

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Sem greve e sem privatização


Os Correios seguem sendo uma empresa dos brasileiros

Os funcionários dos Correios chegaram a um acordo com a Empresa e assinaram, nesta quarta, 21, em Brasília o Acordo Coletivo de Trabalho 16/17. O reajuste nos salários foi fatiado em duas parcelas: 6% retroativos a agosto e 3% a partir de fevereiro do ano que vem. Da ata relativa ao Acordo consta compromisso de que os Correios não serão privatizados durante o Governo Temer, o que acaba com os boatos plantados em todo o país de que a empresa seria privatizada depois da desastrosa administração do PT. A população brasileira vai continuar recebendo os serviços fornecidos pelos Correios sem perigo de qualquer interrupção.

terça-feira, 20 de setembro de 2016

TV Cidadã


A Cidadã vem cumprindo um bom papel na comunicação alagoana

A TV Cidadã, canal 35.2/MCZ, está com uma programação atraente, mesmo em se tratando de uma televisão pública, vinculada ao Tribunal de Contas de Alagoas. Filmes de época, sensacionais documentários e o Bartpapo, ancorado pelo jornalista Geraldo Câmara são o ponto alto da grade de atrações da mais nova TV de Maceió. O ponto abaixo da curva fica por conta das sessões do Pleno do TC, sempre muito técnico - não poderia deixar de ser -, cansativo, monótono e desinteressante. Ainda não consegui assistir a uma sessão por completo. É realmente muito chato, mas precisa ser mostrado ao contribuinte dos municípios alagoanos que, em última análise, paga a conta e fica com a parcela devedora dos desmandos administrativos ocorridos nas prefeituras alagoanas. No mais  a Cidadã merece nossos parabéns pelo que tem apresentado no curto tempo de existência.

CRB celebra


CRB: bola-cheia desde 1912

O CRB comemora os 104 anos de existência, nesta terça, 20, com uma gigantesca festa no Clube Fênix, no centro de Maceió, a partir das 19h. Haverá ato religioso e comemoração profana com as bandas Amoda e Pagode do Galo. A expectativa está concentrada no Presidente do Clube. Marcos Barbosa promete apresentar uma surpresa durante o evento. O que será? Os ingressos custam 20 Reais para quem  não é sócio. Já os sócios-torcedores que estiverem adimplentes terão acesso livre ao evento. Parabéns ao Regatas pela enorme contribuição ao esporte alagoano!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Futebol de Alagoas triunfa

Futebol de Alagoas muito bem representado pelas principais equipes. CSA já é finalista da Série D, o Asa está classificado para as quartas de final da C e o CRB segue lutando para chegar à Primeira Divisão do futebol nacional. Fazia tempo que não se via campanhas tão positivas dos três grandes do Estado.


CSA arrancou a classificação para a grande final sob chuva de granizo (Foto:GE)


O CSA tem feito do Trapichão o palco para destruir os adversários. Jogando a fase conhecida como mata-mata tem consolidado as classificações nas partidas que disputa ao lado do torcedor alvi-celeste. Foi assim contra o Parnayba (3x0),  Altos (3x0), Ituano (1x0) e agora contra o São Bento (2x0). É verdade também que quando atuou fora de casa conseguiu bons resultados e, mesmo quando perdeu, ficou com a vitória no placar agregado. Agora, mais uma vez, faz a primeira peleja dentro de casa e a segunda em Volta Redonda, contra o Voltaço, na disputa pelo título de Campeão Brasileiro da Série D. Tem tudo para repetir a façanha dos jogos anteriores, embora o adversário seja muito qualificado.


Asa abraçou a classificação e está entre os quatro melhores do Grupo A (Foto: Augusto Gomes/GE)


Já o Asa, montado de última hora para a Série C, levou para Arapiraca a base do Coruripe, contratou mais outras poucas peças e com a garotada que subiu da base conseguiu os pontos que lhe garantem a disputa por uma mudança de Série. Terá o Guarani pela frente e decidirá, em Campinas-SP, se sobe ou se fica na C. O plantel quebra o paradigma de que não há resultados sem dinheiro no bolso. Mesmo com os meses compridos, com muito mais de trinta dias, os atletas quiseram vencer, almejaram triunfar e terão que ser reconhecidos ad eternun caso o acesso aconteça.

Aos alagoanos resta torcer para os que ainda estão em disputa. O crescimento deles é o crescimento de todo o seguimento futebolístico alagoano. Basta ver que o acesso do CSA para a Série C representou a abertura de uma nova vaga para outra equipe, na D do ano que vem. Mais do que nunca está em voga o bordão do comentarista Marlon Araújo (Pajuçara FM/MCZ), quando afirma: "Eu sou mais Alagoas".

sábado, 17 de setembro de 2016

É só saber usar


O uso inteligente de uma rede social  proporcionou o reencontro de amigos que não se viam fazia 36 anos. Os Alunos do NPOR de 1980, turma de Maceió, puderam rapidamente se reaproximar através do WhatsApp e em um curtíssimo espaço de tempo agendar uma festa, que foi realizada em São José da Laje, na mansão dos Soares, no feriado de 16 de setembro. No cardápio muita carne e lembranças. Os amigos acordaram que não entraria na conversa política e futebol. Religião não estava entre os temas descartados, mas não surgiu em nenhum momento. O dia foi de brincadeiras. Eram homens de 55 anos e cabelos brancos se comportando como se 19 tivessem. Aí acontecimentos que à época não poderiam ser falados foram tocados com muito bom humor e alegria.


A alegria foi a marca do encontro dos amigos


Os 15 integrantes da primeira reunião continuam buscando os outros sobreviventes da Caserna para que no segundo encontro, que acontecerá muito em breve,  a equipe possa estar mais robusta. Provavelmente a segunda reunião será na Barra Nova, em Marechal Deodoro, Alagoas. Os interessados em participar do grupo do WhatsApp NPOR 80 enviem o contato para o Blog. Como podemos ver, as redes sociais são de extrema importância nos dias atuais. Basta saber usar.

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Heloísa relembra


Heloísa:"Eu avisei"

Sem comentário e opinião, apenas colamos abaixo o que escreveu a Vereadora Heloísa Helena (Rede-AL), depois  de o ex-presidente, Lula, ter sido denunciado pela força-tarefa da Operação Lava-Jato como sendo o comandante da “propinocracia” instalada no Brasil durante os governos do PT.

Olhando as voltas que o mundo dá, não dá para não lembrar do velho provérbio Sioux ‘Que meus inimigos sejam fortes e perversos para que eu não sinta remorsos em derrotá-los’... É fato que eles usaram o propinódromo governamental pra me derrotar e conseguiram mesmo me impor grandes derrotas eleitorais (apoiaram ardorosamente e financeiramente Collor, Renan, Biu). Mas agora os vejo sendo derrotados eticamente! Vergonhosamente derrotados eticamente! Certamente seria melhor para o Brasil que as minhas palavras, há doze anos atrás [sic], sobre o esquema chefiado por Lula (copiando o modus operandi que condenávamos em FHC e reproduzidos na campanha e no governo Dilma/Temer) fossem apagadas pela vida real, fossem apenas ridículas lutas de quem ‘é louca e rancorosa’, fossem apenas passado que o tempo apaga. Mas... a vida implacável (com a confiança deles na impunidade dando continuidade aos seus esquemas criminosos) se encarregou de mostrar com toda clareza técnica e jurídica necessárias o esquema criminoso que alguns tiveram a coragem de – mesmo sob duríssima perseguição – denunciar há mais de 12 anos atrás [sic]! Como já disse Darcy Ribeiro - falando sobre seus fracassos em tantas belas lutas travadas – ‘Eu detestaria estar no lugar de quem me venceu!’ #AvanteLavaJato #JulgaTSE #NovaEleição.

Insatisfação na campanha de Almeida

Embora ninguém confirme oficialmente, sabe-se de um desconforto nos bastidores da campanha do candidato Cícero Almeida (PMDB), que postula voltar à Prefeitura de Maceió. A "insatisfação" estaria na forma como as ações de Almeida, quando Prefeito da Capital, são mostradas. Tem-se a impressão de que fez muito pouco pela Cidade, o que está desagradando aos que lutam para fazer Ciço voltar a comandar Maceió. Não se pode descartar uma conversa franca entre os marqueteiros e o comando da campanha.


Obras de Almeida com pouca visibilidade no horário-eleitoral


Uma novidade está sendo estudada para dar mais leveza ao guia-eleitoral, principalmente quando o assunto for se defender dos ataques dos partidários de Rui Palmeira (PSDB), ou dizer "verdades" ao adversário. Isso pode ficar por conta da entrada de um humorista - recurso já usado em outras pelejas - para "escrachar" o oponente na base da brincadeira. Nada ainda ficou acertado, mas as conversas entre o profissional e pessoas ligadas a Cícero já começaram. Vamos aguardar.

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Só na porrada


Candidatos estão cansando o eleitorado com acusações o tempo todo (Montagem: Diário do Poder)

Polarizada entre Cícero Almeida (PMDB) e Rui Palmeira (PSDB) a campanha para Prefeito de Maceió ainda não conseguiu empolgar os eleitores. Está forjada muito mais no ataque de ambos os lados do que mesmo em ideias para melhorar a vida da população da Capital. A permanecer a toada de acusações de lado a lado, vai chegar ao final gélida como a Sibéria. Já fico imaginando um debate entre os dois principais candidatos. Perspectiva de xingamentos e agressões, o que levará o nível para o esgoto. Pessoal, vamos elevar o discurso!

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Estacionamento exclusivo

Quando entro em uma empresa costumo observar o estacionamento. Pelo simples local onde os carros estão parquiados consigo identificar o Clima Organizacional do lugar. É simples. Basta ver se existem locais marcados para pessoas do alto escalão. Se houver, é certo que o empreendimento está dividido em castas. Existem grupelhos de privilegiados e  a maioria é tida na condição de pária.


Ridícula placa segregacionista ainda em moda no Brasil


O assunto foi cuidado pelo sociólogo estadunidense Robert K. Merton, considerado teórico fundamental da burocracia. Nos seus tratados diz ele que "A burocracia enfatiza a hierarquia de autoridade, torna-se necessário um sistema de signos que indique a todos, quem está no poder", sendo o estacionamento um lugar de exibição burra e deselegante de status. Infelizmente até hoje os estudos de Merton não foram levados em conta pelos que têm o poder de acabar com "privilégios" que geram insatisfação no ambiente de trabalho. Até no estacionamento é preciso exercitar a Democracia.

Canais do Esporte Interativo chegam à Sky


 Sky aderiu ao Interativo

Finalmente o assinante da Sky recebe o sinal das TVs EI MAXX e Esporte Interativo, nos canais 83 e 22, respectivamente. Os dois novos entram em substituição aos canais Boomerang e TruTV. Quem já tinha no pacote o Boomerang e o TruTV vai ter a programação esportiva liberada automaticamente, a partir do próximo dia 29. Agora já, hoje, 13, o canal EI MAXX HD (228) estará disponível a partir do pacote Master HD e o canal EI MAXX 2 HD (224) está disponível a partir do pacote Full HD. Já era hora de a Sky que transmite "tudo" que é evento esportivo pelo mundo ofertar aos assinantes os canais do Esporte Interativo.

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

CSA, o time da Rainha

Já não é a primeira vez que a Rainha Marta posta nas redes sociais vídeos curtindo gols do CSA e se dizendo torcedora do alvi-celeste. Na mais recente está com um celular na mão, ouvindo a narração do segundo gol do CSA contra o São Bento, marcado por Didira, em jogo realizado nesse domingo, 11, em Maceió, pela semifinal da Série D. O grito de gol é de Cesar Pita (Pajuçara FM/MCZ). Marta, na hora do tento, pede "mais um". É uma prova de que está antenada com o clube do coração.


Marta sempre vibra com os gols do CSA


O marketing do CSA, entretanto, até o momento, vacila e não aproveita o amor da melhor do mundo para criar frases de efeito, vinculando o nome de Marta ao clube, como faz o Santos ao anunciar que é o time de Pelé. Frases como: "Se Pelé é do Santos, Marta é do CSA" e "CSA, o time da Rainha" poderiam passar a ser usadas. Outra coisa. Será que ela se negaria a gravar um vídeo pedindo para o apaixonado pelo time do Mutange aderir ao Sócio-Torcedor! Acho que não. E porque não dar a jogadora um título de sócia do Centro Sportivo! Será que não há uma categoria em que a genial Marta se enquadre! A entrega seria um acontecimento mundial. E já imaginaram Marta e Jacozinho juntos pelo CSA!

Uma oportunidade como esta todo clube brasileiro gostaria de ter e o CSA já tem nas mãos, só que não está sabendo usar. Momento melhor não há do que o atual, onde o time acaba de subir para a Série C do Brasileiro e está na disputa por um título nacional. Claro que a Rainha terá uma abertura na agenda para ajudar o clube que ama.

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

O administrador de botequim: caso da bebida

O administrador de botequim é aquela pessoa que pensa que é o máximo, que se imagina brilhante, que não cabe em si com a empáfia que carrega, mas que não consegue esconder a incompetência em cada decisão que toma. Age sem analisar fatos e dados e por isso tropeça nos próprios atos. 


Caso das bebidas reflete a administração de botequim


O exemplo da bebida  espelha bem o administrador de botequim. É o caso em que o estoque de uma determinada cachaça está grande e não há vendas para o produto. Nesse momento o luminar chega e determina: "Vamos deixar de vender esta porcaria. Coloque tudo no lixo e não se fala mais nisso.". Solução fácil para o problema, mas que não ataca a causa da fraca vendagem. O conhecedor da área faria uma pesquisa para saber o motivo da aguardente está encalhada, promoveria uma degustação para os que chegassem ao ponto de venda etc, mas o administrador de botequim prefere se livrar do problema da maneira mais fácil. Ele não quer ter trabalho, sequer de pensar. Daí a sucessão de equívocos.

Outro dia em uma empresa privada do ramo de logística, baseada no interior do Piauí, um administrador de botequim teve que resolver um problema ocorrido no estacionamento. O que fez? Mandou fechar o espaço e impediu que os funcionários da casa deixassem os carros no local, produzindo descontentamento entre todos, obrigando  muitos a pagar estacionamento mensalmente, conseguintemente reduzindo indiretamente o salário e fazendo com que outra parte trabalhe preocupada porque deixou o carro na rua, exposto aos vândalos. Quem não quis correr o risco de perder o patrimônio adquirido com o suor do próprio rosto, resolveu parar o bólido em casa e solicitar vale-transporte para ir ao trabalho, aumentando a despesa da empresa na rubrica. Aqui p'ra nós: ou é incompetência ou estamos diante de um gigantesco caso de pura maldade.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Ex-jogador do CSA confirma que jogadores entregaram jogo para o Juventos, 33 anos atrás

O competente Walter Luis (Correio AM/MCZ) produziu a maior informação jornalística dos últimos tempos, nesse domingo, 4, ao entrevistar o ex-jogador do CSA, Dequinha. Em uma conversa franca, o ex-zagueiro afirmou sem titubear que o CSA perdeu o título da Taça de Prata de 1983 porque a maior parte do elenco estava vendida para a máfia da loteria esportiva. Chegou a citar o ex-atacante Américo como a pessoa que recebeu o dinheiro para dividir com os atletas.

O CSA venceu o jogo de ida por três a um, perdeu por três a zero para o Juventos no jogo de volta e na terceira partida foi novamente derrotado por um a zero, tendo o Juventos se sagrado campeão. Detalhe: o gol do time paulista foi de pênalti, sofrido por Nelsinho Baptista, aos 26 minutos do segundo tempo.


Lance do pênalti em Nelsinho, no campo do Juventos


Até o presente momento a conversa da entrega do jogo estava no ar, mas nunca ninguém havia vindo de público confirmar o assunto, inclusive dando nomes. Dequinha o fez e Walter Luis tem o mérito de ter arrancado a confissão do ex-atleta. É amigos! O futebol brasileiro tem cheiro de podridão, faz tempo.

A humilhação acabou

As duas vitórias  em cima do Ituano, com placar agregado de 3x1 para o CSA, pelas quartas de final do Brasileiro da Série D, que colocaram o clube de Alagoas na semifinal da competição e garantiram vaga na Série C de 17, acabam com as piadas que durante os últimos anos a gigantesca torcida azulina foi obrigada a escutar. Coisas do tipo: "Esse time é fora de série", quando a equipe do Mutange, sequer disputava a quarta divisão nacional, ou "O CSA só funciona três meses por ano e depois cerra as portas", perderam a veracidade depois da conquista do acesso, fruto de muito trabalho, dedicação e do profissionalismo que foi implantado para o ano em curso. A preparação começou no final de 2015, tendo o fruto sendo colhido nesse 4 de setembro, data que entra para a história do alvi-celeste.


Cleyton foi um dos heróis da conquista (Foto:Pei Fon/TNH1)


CSA já está entre os sessenta melhores clubes brasileiros. Neste ano de 16, até o momento, na Série D, somou 26 pontos e perdeu apenas dois jogos em 12 partidas. Marcou 24 gols e ostenta um saldo positivo de 14. Os números refletem o trabalho dentro e fora do campo, comandado por Rafael Tenório e equipe - fora dele - e pelo competente e estudioso Oliveira Canindé dentro das quatro linhas

Nossos parabéns a todos que estão engajados nesta luta desde o ano passado! Nosso reconhecimento ao gigantismo da torcida azul de Alagoas, que abraçou o time desde o momento em que a diretoria fez festa para apresentar os reforços da temporada. Vocês não mereciam o sofrimento que passaram por tanto tempo. O CSA é grande demais para se acomodar em uma Série D de Brasileiro. Precisa sempre alçar voos mais altos. Que a nação azul e branca possa, desta vez, festejar um título nacional, já que bateu na trave três vezes ao ser Vice-Campeão da extinta Taça de Prata, que era a Série B dos anos 1980. Parabéns CSA, afinal, a humilhação acabou!

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Pós-graduação para gestores de rádio

O primeiro curso à distância de pós-graduação em Gestão de Empresas de Radiodifusão já está com as inscrições abertas. É fruto de uma parceria entre o Centro Universitário Internacional, a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão, a Federação Nacional de Empresas de Rádio e Televisão, a Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná e as emissoras de rádio do Brasil. O valor de R$ 4,5 mil referente à matrícula e às mensalidades pode ser permutado por espaços na programação das emissoras para veiculação de materiais publicitários da Uninter.
Curso para trabalhar no rádio tem que ser feito através de escola regular

A pós-graduação Gestão de Empresas de Radiodifusão terá duração de 9 meses e será estruturada em três módulos. O profissional que finalizar o curso receberá título de especialista e estará preparado para assumir cargos de supervisão, gerência ou direção. Os alunos terão acesso ao conteúdo como, quando e onde quiserem. Aulas, livros, atividades online, chat, tutoria e materiais didáticos estarão disponíveis 24 horas. Os interessados em participar poderão obter mais informações no sítio-eletrônico da Uninter.

Vale ressaltar que apesar de uma série de entidades ligadas ao rádio estarem envolvidas, as aulas são chanceladas por uma universidade. Nenhuma entidade que não seja reconhecida pelo Ministério da Educação pode ofertar cursos pois não tem autoridade legal para emitir certificados, devendo para tal, firmar convênios com escolas e/ou universidades.  O não cumprimento deste dispositivo legal pode lesar quem estudar em cursinhos promovidos por sindicatos e/ou entidades afins. É bom estar atento para não cair no "conto do vigário". Estudar e depois não poder receber certificado porque fez um curso pirata.