.

.

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Patrocínio investigado

Atenção clubes patrocinados pela Caixa Econômica Federal! O Tribunal de Contas da União abriu auditoria para cascavilhar os contratos de patrocínio de empresas estatais ao esporte, entre elas a Caixa, que banca muitos clubes Brasil afora. Seguramente que na busca de informações os clubes serão visitados pelos auditores em busca de documentação.


O CRB figura entre os beneficiários do patrocínio


É torcer que ninguém seja apanhado com a "boca na botija", visto que, confesso, neste caso específico que envolve entidades de prática desportiva e a Caixa, foi a primeira vez que vi o patrocinador em busca do patrocinado. Normalmente temos a relação inversa. Até Senador da República serviu de contato comercial entre os lados. Será!

terça-feira, 27 de junho de 2017

Prefeito de Marechal declara apoio a Renan Filho


Renan e Cacau: parceria firmada para 2018 (Foto: Prefeitura de Marechal)

"Governador, ano que vem estarei ao seu lado. Vou trabalhar a sua campanha como se fosse a minha, visitando cada casa para pedir voto para o amigo". Foi com estas palavras que o Prefeito de Marechal Deodoro garantiu total engajamento a campanha de Renan Filho (PMDB), que nutre esperança em renovar o mandato de Governador de Alagoas. Cláudio Filho (Cacau) empenhou a palavra durante a entrega de obras na cidade de Marechal Deodoro, que contou com a presença do Governador.

Ministro garante construir campos no Agreste e Zona da Mata de Alagoas

Cidade de Tanque D'Arca espera pelo campo de futebol

Os municípios de Tanque D'Arca (Agreste) e Jundiá (Região da Mata) terão campos de futebol construídos pelo Governo Federal. Segundo o Ministro do Turismo Marx Beltrão "os recursos já estão garantidos". É uma boa notícia para o esporte alagoano, embora entenda que governos não devam construir praças esportivas, fato que deve caber a cada time que deseja se tornar profissional. Entendo ainda que o investimento no esporte precisa acontecer, mas nas periferias, criando espaços e organizando competições perenes, que garantam movimento à juventude para afastá-la das drogas. Mesmo assim esperamos que as praças esportivas alavanquem o futebol nas duas cidades alagoanas.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

"Fumeirão vai virar alçapão", diz Prefeito de Arapiraca

"O Coaracy da Mata Fonseca vai virar um alçapão". Foi com esta frase e um sentimento de muita satisfação que o Prefeito de Arapiraca Rogério Teófilo nos comunicou a reforma do velho Fumeirão.


Prefeito Rogério garante reforma no Coaracy da Mata Fonseca


As arquibancadas serão avançadas para mais próximo do campo. Onde ficava a metálica será construída uma moderna, em concreto. Também será fechado o anel nos espaços entre a Tribuna de Mídia e os fundos dos gols. O Prefeito jurou sobre a Bíblia que finalmente os profissionais que trabalham na cobertura dos eventos, no Coaracy, terão espaço confortável para desempenhar a função. Assim esperamos, Prefeito. Ah! A verba para todo o trabalho já está empenhada e as obras poderão começar a qualquer momento. Tudo vai depender de  um acordo entre a municipalidade e o Asa, que utiliza o campo para disputar as partidas da Série C.

Arapiraca vai ganhar centro de iniciação ao esporte

Já foi assinada a ordem de serviço e, segundo o Prefeito de Arapiraca Rogério Teófilo, as obras de construção de um Centro de Iniciação ao Esporte já foram  iniciadas. O Centro está sendo edificado na comunidade Bananeiras, nas proximidades da Biblioteca Digital Arapiraquinha, na Rua João Francisco Aureliano, na Terra do Fumo, anexo ao inacabado Centro de Treinamentos do Asa, que segundo Rogério, será abraçado pelas obras do Cie.


Projeção gráfica do lado externo do futuro Centro


A visão da edificação  é ser referência na formação de jovens - crianças e adolescentes - para torná-los atletas de alto rendimento.


Lado interno, em imagem produzida por programa de computação


O  projeto, que conta com o manto protetor do Ministério do Esporte,  faz parte do PAC 2. A obra será realizada pela Silcon Engenharia e está orçada em R$ 3.132.064,11. A previsão da  entrega é  16 de junho de 2018.

Além dos atletas que serão formados, o Asa acabou sendo o grande beneficiário do projeto, visto que estava com a construção do Centro de Treinamentos da Agremiação, parada, correndo sério risco de se transformar em um "elefante-branco". Agora receberá  da municipalidade este grande presente. É legal? Bom, aí já é assunto para o Tribunal de Contas da União, visto que a verba é federal.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Cuidado com os números!

O CSA tem como meta fazer 15 pontos nos jogos de ida e 15 nos  de volta, na primeira fase da Série C deste ano de 17. Segundo os cálculos feitos no Mutange, 30 pontos garantem a classificação. A base numérica é a Série C do ano passado (2016). Vamos estudar juntos a matemática azulina.


Os números seguem leis que precisam ser respeitadas


Ano passado - 2016 - o Asa classificou em quarto lugar com 26 pontos, tendo rendido 48% no Grupo A. Já o Juventude, último a entrar pelo Grupo B, o fez com 30 pontos e 55% de aproveitamento. 

A considerar os dados do time gaúcho, 30 pontinhos garantiriam o CSA na próxima fase, mas é mesmo assim? Não. Depende do rendimento técnico da competição a cada ano. Por exemplo:  no grupo do CSA deste ano (2017), o rendimento do quarto colocado, Remo, até o momento em que estamos digitando este post, é de 53%, o que faria com que o CSA estivesse certo em suas contas. Mas o detalhe é que ainda é muito cedo para fazer previsão, visto que tivemos apenas seis rodadas disputadas, o que pode induzir a erro, além de que nem sempre os números se repetem. Em 2015 o quarto colocado teve um rendimento de 57%, acima da base de cálculo usada pelo CSA. O correto é fazer as contas depois que os jogos de ida tenham sido disputados, pois todos já terão se enfrentado e as previsões tenderão menos a erro. 

Vou esperar o momento certo para apresentar meus  números. Por enquanto fico com o pensamento que julgar um campeonato por outro pode, até, dar certo no final, mas não é um produto cartesiano, afinal, em cada ano o rendimento da competição oscila. Nunca é demais lembrar que, em probabilidade, a entrada de dados é fundamental para que se tenha um resultado mais perto da realidade na saída.

terça-feira, 13 de junho de 2017

Guilherme Campos confirma Edmilson Bezerra na Superintendência dos Correios em Alagoas

Em reunião que acabou há pouco, na Presidência dos Correios, em Brasília, o Técnico de Correios Pleno, Edmilson Bezerra, ouviu do Presidente Guilherme Campos que ele - Bezerra - é no novo Superintendente dos Correios em Alagoas. A portaria, inclusive já foi assinada e enviada para a Superintendência de Alagoas. Participou do encontro o Deputado Federal, Cícero Almeida (PMDB-AL), responsável direto pela indicação junto com o Ministro do Turismo Marx Beltrão.


Edmilson Bezerra (centro) ao lado do Deputado Cícero Almeida e do Presidente Guilherme Campos, após o martelo ser batido


Bezerra e Almeida regressam a Maceió, nesta quarta, 14, quando o primeiro já chega para ocupar o lugar deixado por ele próprio faz pouco tempo por contingência meramente política. Com a efetivação de Bezerra acaba uma corrida subterrânea, onde várias pessoas tentavam chegar ao posto de Superintendente, que dentro da nova estrutura dos Correios - ainda em implantação - passa a ser o posto supremo da Empresa em todo o Estado de Alagoas. Os postulantes agora devem voltar-se ao trabalho para ajudar a nova administração a elevar cada vez mais o nome dos Correios na Terra dos Marechais. A corrida acabou e Edmilson cruzou a linha de chegada na frente dos demais. Vai fazer uma administração para todos, independente de quem ficou comendo poeira pela estrada.

Edmilson Bezerra volta a comandar os Correios em Alagoas

Ainda não existe portaria assinada. O Técnico de Correios Pleno, Edmilson Bezerra, ainda tem um encontro com o Presidente dos Correios Guilherme Campos na noite desta terça, 13, mas o Blog banca que ele está de volta ao comando dos Correios em Alagoas. O retorno foi acertado em uma conversa na tarde de hoje com o alto escalão da Empresa, em Brasília, onde além de Edmilson, estiveram presentes César Lira, o Deputado Cícero Almeida (PMDB-AL), o Ministro do Turismo Marx Beltrão e Kaká Rodas (Diretor do Maceió Shopping). 


Edmilson ficou extremamente feliz com a recondução


Ao que tudo indica Bezerra deverá regressar a Maceió com a portaria que o nomeia para o cargo mais elevado dos Correios em Alagoas, em mãos. Retoma a posição que havia perdido faz pouco tempo mais robustecido, sob o guarda-chuva de um Deputado (Almeida) e um Ministro (Marx).
 
Não podemos deixar de nos alegrar com a volta de Edmilson ao cargo. Havia saído por conta de ajustes políticos, mas regressa na hora certa para dar sequência ao trabalho que começara. É um líder nato e um excelente gestor de pessoas. Boa sorte!

Acontece em Brasília

César Lira, Deputado Cícero Almeida, Ministro Marx Beltrão, Edmilson Bezerra e Kaká Rodas reunidos em Brasília

Mesmo afastado temporariamente da Direção dos Correios em Alagoas por conta da conjuntura política, o Técnico de Correios Pleno, Edmilson Bezerra, não para de trabalhar pela causa. Está em Brasília, ao lado de amigos, para tentar viabilizar a implantação de uma agência de Correios no Maceió Shopping. Ainda na tarde desta terça, 13, terá um encontro com o Presidente dos Correios Guilherme Campos para tratar do assunto. Todos estão confiantes em regressar a Alagoas com grandes e boas novidades. Aguardemos, pois, pelo retorno da equipe.

Conheça os números de Angulo

Diante da repercussão positiva da contratação do atacante equatoriano Daniel Angulo pelo CSA, fui procurar informação a respeito do atleta. Gostei do que vi nas imagens , apesar de saber que uma edição bem feita pode transformar um jogador nota 7 em nota 9, o que não acredito ser o caso de Angulo. 


Angulo aponta para o caminho de Maceió


Vi um jogador aguerrido, que enfrenta defensores de forma franca, parte para cima sem medo de quem está pela frente, tem chute forte e um excelente cabeceio. É um centroavante à moda antiga, tipo Doval (ex-Fla e Flu), César (ex-Palmeiras), entre outros. Não estou dizendo com isso que é melhor ou pior do que os dois citados, apenas os utilizo como comparativo na forma de jogar. 

Outro fato favorável ao equatoriano é ter chegado à Seleção do país onde nasceu, ter conquistado uma Sul-Americana e jogado na Colômbia, onde o futebol se desenvolveu muito na última década. Ninguém sobe tais degraus à toa. 

Números

Em 11 temporadas jogou 114 partidas e marcou 37 gols, o que dá uma média de 0,3 gol por jogo, ou seja, a cada três partidas disputadas marca um gol. Analise  os números últimos anos: 2013, 12 gols; 2014, 16 gols; 2015 10 gols; 2016, 7 gols. Em 2017 atuou em 5 jogos pelo Deportivo Pasto, não tendo balançado a rede adversária. Pode-se dizer que é um jogador vencedor. Em toda a carreira, somando vitórias e empates, tem uma média de 71,4%, enquanto as derrotas, também em média, montam 28,4%. 

Agora é esperar que a atração internacional retribua dentro do campo o investimento feito nela, afinal o torcedor do CSA deseja ver Angulo fazendo gols por todos os ângulos. Boa sorte a ele, afinal de contas o futebol alagoano carece de atração e qualidade!

Austrália 0x4 Brasil: valeu pela vitória, e só


Australian Football é muito mais popular que o Association

Foi muito boa a vitória do Brasil por quatro a zero em cima da Austrália, nesta terça, 13, em partida realizada em Melbourne, na encantadora Terra dos Cangurus, mas não serve de parâmetro, visto que o futebol, apesar de despertar interesse em parte da população australiana, ainda não é esporte de massa, lá na Oceania. Por enquanto os aussies continuam apaixonados pelo rugby, seguido de perto pelo Australian Football, uma variação do futebol americano. De qualquer forma, mesmo em amistoso, é melhor vencer do que perder.

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Aqui tira sapato

Você tem o hábito de tirar os sapatos antes de entrar em casa? Isso pode ajudar a deixar a sujeira do lado de fora. Também é importante sempre lavar as mãos e, se você tiver um bichinho de estimação, limpar as patinhas depois de passear. 

Apesar de belos, os sapatos carregam doenças

Os micro-organismos estão presentes em todos os lugares, e, dessa forma, não é nenhuma surpresa encontrar bactérias nos sapatos das pessoas. Normalmente o que acontece é que esses germes não costumam ser patogênicos, ou seja, não causam doenças.
Por outro lado, existem muitos vírus e bactérias que resistem algumas horas sem alimentos na nossa roupa, sola do sapato, maçanetas e outras superfícies. Por isso quanto menos sujeira levarmos para dentro de casa, menor a chance de sermos contaminados.

CSA vê Série C por outro ângulo e contrata Angulo

Será apresentado na próxima sexta, 16, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, antes do jogo CSA x Confiança, válido pela Série C do Brasileiro, o atacante equatoriano, Daniel Angulo,  considerado pelo Presidente Rafael Tenório a maior contratação do CSA nos últimos 30 anos. 


Angulo: reforço internacional no CSA


O jogador estava defendendo o Desportivo Pasto, da Colômbia, mas tem passagem pela LDU (Equador) e Santa Fé (Colômbia), onde foi campeão da Copa Sul-Americana de 2015. Angulo também já pilotou o ataque da Seleção do Equador, tendo disputado   a Copa América de 2015. O atleta conta 30 anos e foi contratado graças a união entre alguns conselheiros e o Presidente Tenório. Cada lado banca metade das despesas com a vinda do jogador.

Taí um bom exemplo a ser seguido pelo Asa, que também disputa a C e necessita urgentemente de reforços. No CSA a união está fazendo a força. No Asa ela poderá representar o agigantamento da equipe que usa o discurso de chegar à Série B.

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Bola Fora

Por TNH1

O presidente da Federação Alagoana de Futebol  Felipe Feijó, filho do Vice-Presidente da Confederação Brasileira de Futebol para a  Região Nordeste  Gustavo Feijó, foi preso por posse ilegal de arma durante o cumprimento de um dos mandados da Operação Bola Fora, da Polícia Federal, que apura a prática de “caixa 2” na campanha eleitoral de Gustavo para a Prefeitura de Boca da Mata. O fato aconteceu quando a PF cumpria mandados de busca e apreensão em endereços de Gustavo Feijó. Encontrada a arma,  houve a prisão. Felipe teria pago fiança, sendo então liberado. A arma em questão é uma pistola Taurus 380. 


Diferente do fiho, o pai Gustavo usa pistola para vacinar gado


Não sei que motivos o jovem Felipe teria para andar armado. O simples fato de estar no meio do futebol justificaria a atitude! Os bastidores do mundo da bola estariam tão fortes a exigirem uma "força" extra! Recordo-me de Telê Santana, quando afirmava que "Futebol não é coisa para homem de bem".

quarta-feira, 7 de junho de 2017

De novo, outra vez, novamente, o povo "paga o pato"

Mais uma brutalidade cometida contra a população de Maceió, na manhã desta quarta, 07, em frente ao Cepa, no bairro do Farol. Estudantes bloquearam a Fernandes Lima para protestar pela falta de transporte escolar. Eles dizem que não têm condução para chegar à escola faz uma semana. Os motoristas dos coletivos pararam de trabalhar por conta da falta de pagamento, gerando um problema em cascata que culminou com milhares de pessoas impedidas de chegar aos locais de trabalho no início da manhã.


Mais um protesto abusivo em Maceió (Foto: Jurandir Santos)


Todos queremos os motoristas com dinheiro no bolso. Todos desejamos os estudantes sendo transportados. Igualmente todos queremos que os problemas sejam resolvidos diretamente entre as partes, sem que terceiros sejam penalizados por conta de problemas setorizados. Da forma que vai, avançamos para um tempo em que uma briga familiar só será resolvida depois que um ente bloquear a rua onde mora, queimar pneus e atrapalhar a vida de todos. Gente, já está passando da hora de usarmos o bom senso!

terça-feira, 6 de junho de 2017

Barros de Alencar foi embora

Arrastado por uma pneumonia, faleceu na madrugada dessa segunda,  5,  aos 84 anos de idade, o radialista, cantor, compositor e apresentador de TV, Barros de Alencar.


Barros de Alencar


Nas décadas de 1960 e 1970, fez grande sucesso no rádio. Na década de 1980, fez sucesso na TV Record Canal 7, apresentando o Programa Barros de Alencar. Estava afastado do rádio há alguns anos, depois de uma delicada cirurgia na garganta.
 

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Sobrou para Maurílio Silva

Não debito na caderneta do ex-técnico do Asa, Maurílio Silva, a pífia campanha do representante de Arapiraca na Série C do Brasileiro. "Sem ovos não se faz omelete.", avisa o velho adágio popular. E este é o caso do Asa. Silva estava sem ovos no meio-campo e ataque - exceção a Leandro Kível - e sem elenco qualificado não poderia  apresentar resultados dentro do campo. Dois meias de maior envergadura do que os que compõem o atual plantel e mais um atacante de escol, que possa entregar ao final da competição, somente ele, no mínimo dez gols ao time são fundamentais para que o discurso de acesso à Série B seja confirmado na prática. Sem isso fica muito difícil qualquer treinador conseguir resultados.


Maurílio não viu estrelas no Asa


Maurílio não foi escolhido o melhor treinador do Alagoano, à toa. A mídia reconheceu nele um trabalho vencedor ao conduzir um time mediano à terceira posição no campeonato. Foi castigado por ter aceito entrar no Brasileiro com um time nota 7, principalmente no setor de meio-campo. 

Não haverá milagreiro capaz de erguer o Asa se o elenco não for qualificado. Falta dinheiro para contratar, mas a dispensa de quem não joga e, principalmente de quem não produz em campo, poderia gerar o dinheiro para pagar atletas de melhor nível que possam entregar algo mais ao Alvinegro.

Outra coisa. Também não sei se um comandante-técnico de maior porte aceitaria conduzir o atual elenco do Asa e para deixar o time nas mãos de um "entregador de camisas" nada mudará. Todos sabemos que a verdadeira mudança passa por atletas mais capacitados dentro do campo defendendo o Asa.

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Surpresa

Fiquei surpreso com o fato de o Boletim Financeiro do jogo Asa 0x1 Sampaio Corrêa não ter sido divulgado ainda com a bola rolando, como previsto no Estatuto do Torcedor, visto que sempre, durante o segundo tempo, a informação é divulgada pela Agremiação. Surpresa maior ainda foi verificar no sítio-eletrônico da CBF os números do jogo. O público pagante foi de apenas 720 torcedores, muito próximo do comparecimento na partida com o Remo - 753 pessoas -, o que gerou prejuízos muito próximos. Remo: R$ 12.806,70 e Sampaio: R$ 13.617,80. 


Observe público e renda marcados em vermelho


Continuo ainda extremamente surpreso, pois, a olho nu, a ideia que se tinha é que havia mais torcida no jogo do Sampaio do que na partida Asa x Remo. O que estaria acontecendo? Por que público e renda da partida Asa 0x1 Sampaio não foram divulgados durante o segundo tempo, como nas outras partidas? 


Clique na imagem para ver em tamanho ampliado


Confesso que na minha cabeça tudo está muito confuso. Não desconfio de ninguém. Não acredito em manipulação. Não vou fazer pré-julgamento de quem quer que seja, mas também entendo que a transparência precisa acontecer em 100% e em conformidade com o Estatuto do Torcedor, que prevê, no artigo sétimo que "É direito do torcedor a divulgação, durante a realização da partida, da renda obtida pelo pagamento de ingressos e do número de espectadores pagantes e não pagantes, por intermédio dos serviços de som e imagem instalados no estádio em que se realiza a partida, pela entidade responsável pela organização da competição". Basta cumprir o que diz a lei e evitar questionamentos, como o que fazemos agora.

O legislador exigiu a divulgação de renda e público ainda com bola  rolando, exatamente para evitar manipulação dos números, uma conduta repetitiva antes do ET, quando os números eram fabricados e o que se apresentava não correspondia à realidade do estádio. Taí uma excelente oportunidade de melhoria para o Asa. Não precisa fazer nada além do determinado na legislação. Aliás, o representante de Arapiraca vinha cumprindo o que está escrito. A partida com o Sampaio foi um ponto fora da curva.

quinta-feira, 1 de junho de 2017

"Impunidade parlamentar" está no fio da navalha

Muito bom saber que o Senado aprovou a Proposta de Emenda Constitucional que trucida o chamado foro privilegiado, que na verdade nada mais é que um escudo para bandidos se abrigarem da Justiça e escapar de condenações,  conhecido popularmente como "impunidade parlamentar".

Deputados precisam ser pressionados para cortar na própria carne

A proposta acaba com o privilégio em caso de crimes comuns para deputados, senadores, ministros de estado, governadores, ministros de tribunais superiores, desembargadores, embaixadores, comandantes militares, integrantes de tribunais regionais federais, juízes federais, membros do Ministério Público, procurador-geral da República e membros dos conselhos de Justiça e do Ministério Público. As únicas exceções são os chefes dos três poderes da União (Executivo, Legislativo e Judiciário).
Agora a Pec 10/2011 segue para análise da Câmara dos Deputados, onde precisará passar por dois turnos de votação. A população precisa pressionar os Deputados para que não desmanchem a Proposta e a transforme em sonho, facilmente dissolvido na saliva ácida dos integrantes do Legislativo.